Perguntas Frequentes

Perguntas frequentes

Sobre a Inscrição

1. Por quem devem ser preenchidas as folhas de referência?
Por alguém que conheça seu desempenho acadêmico e possa opinar sobre seu potencial para a pesquisa. Professores, orientadores de iniciação científica, orientadores de estágio, coordenadores de projeto ou de equipes de trabalho normalmente fornecem estas informações. São as pessoas que você indica no formulário de inscrição.

2. É necessário comparecer pessoalmente no PosMEC para efetivar minha inscrição?
  Embora você seja sempre bem-vindo a nos visitar, não há necessidade de comparecer pessoalmente apenas para efetivar sua inscrição. A documentação pode ser trazida por outra pessoa ou enviada via CORREIOS.

Sobre as Bolsas

3. Quem pode receber uma bolsa de pós-graduação do POSMEC?
Mestrandos e doutorandos regularmente matriculados que estejam se dedicando exclusivamente à pós-graduação e que não tenham vínculo empregatício.

4. Qual a duração das bolsas de pós-graduação?
Bolsas de Mestrado são de até 24 meses. Bolsas de Doutorado podem ter até 48 meses.

5. Como são alocadas as bolsas de pós-graduação?
Dentro de cada área de concentração as bolsas do POSMEC são alocadas em função da ordem de classificação resultante do processo de seleção. Bolsas adicionais, vinculadas a projetos de pesquisa, ou a programas especiais de formação de recursos humanos, podem ser disponibilizadas.

6. É possível acumular mais de uma bolsa?
Não. As agências que disponibilizam bolsas de pós-graduação não permitem ao aluno acumular mais do que uma bolsa. Entretanto, em alguns casos, é possível receber complemento de bolsa por meio da atuação em projetos de pesquisa.

Sobre o Processo Seletivo

7. Como é realizado o processo seletivo no Mestrado?
  Para o Mestrado é designada uma Comissão de Seleção por área de concentração. Os pedidos de inscrição são analisados um a um, observando-se itens como o desempenho acadêmico na graduação, experiência acadêmica (iniciação científica, monitorias), experiência profissional (estágios ou, quando for o caso, atuação profissional), dentre outros. Os candidatos são avaliados e a cada um é atribuída uma ordem de classificação. Por fim, são divulgadas listas ordenadas dos candidatos aprovados em cada Área de Concentração. O resultado é divulgado no sítio do POSMEC e nos murais do Departamento de Eng. Mecânica.

8. Como é realizado o processo seletivo do Doutorado?
  Para cada candidato ao Doutorado é designada uma Comissão de Seleção formada por especialistas compatíveis com a área de interesse do candidato. O desempenho acadêmico no Mestrado, a qualidade da Dissertação de Mestrado defendida, o tempo de titulação, a proposta de trabalho e a adequação do orientador indicado, são alguns dos aspectos observados pela Comissão de Seleção. Além de deliberar pela admissão de um candidato, a Comissão de Seleção define quais e quantos créditos de disciplinas de Mestrado serão validados para o Doutorado.

9. Quando é realizado o processo seletivo do Mestrado?
  A partir de 2014 o processo seletivo passou a ser realizado duas vezes por ano: em Dezembro e em Junho para os alunos que iniciarão as aulas em Março ou em Agosto, respectivamente.

10. Quando é realizado o processo seletivo do Doutorado?
  Em qualquer época do ano. O início das aulas pode se dar em Março, quando começa o primeiro bimestre letivo, em Maio, quando se inicia o segundo, em Agosto quando se inicia o terceiro ou em Outubro quando começa o quarto bimestre.

11. Quando devo fazer a prova de proficiência em Inglês?
  Somente após se tornar aluno regular. Normalmente são realizadas duas provas de proficiência em Inglês por ano. É suficiente ser aprovado em uma delas. As datas estão divulgadas no Calendário Acadêmico. O aluno NÃO precisa se inscrever, estará automaticamente inscrito. A divulgação da lista é feita pela secretaria. Fique atento às datas.

  Desde final de 2014 a UFSC passou a aceitar certificados TOEFL ITP em substituição à prova de proficiência em inglês. Além de estar dentro da validade, um mínimo de 47 pontos na parte de leitura é necessário para o mestrado. Para o doutorado a pontuação minima em leitura é de 53 pontos. Outros tipos de certificados podem também ser aceitos.

Documentos para Inscrição

12. Eu estarei me formando no final deste ano. Meu diploma não ficará pronto em tempo de enviá-lo para o processo seletivo. O que devo fazer?
  Você pode nos enviar uma declaração do seu curso de graduação atestando que você concluiu seu curso e aguarda emissão do diploma ou, se for o caso, que você é um provável formando. A declaração será suficiente para o processo seletivo. Para matrícula a declaração a ser entregue é a que atesta que o aluno completou todos os créditos, ou seja, não têm pendências. O diploma poderá ser apresentado posteriormente.

13. O que deve conter no Plano de Estudos?

O Edital de Seleção para o Mestrado pede para que o candidato apresente um documento em formato livre de até duas páginas com algumas informações. Uma delas é um Plano de Estudos, que consiste em uma breve descrição do(s) tema(s) e/ou linha(s) de pesquisa(s) com o(s) qual(is) gostaria de aprofundar sua formação e desenvolver a dissertação de mestrado e uma breve justificativa para a escolha. Não há necessidade de apontar as disciplinas que pretende cursar. No processo seletivo o Plano de Estudos é usado mais fortemente como um elemento para avaliar a capacidade do candidato em se expressar e organizar ideias. Não há obrigatoriedade de nenhuma das partes em desenvolver exatamente o que está proposto nele.

Outras perguntas

14. É possível fazer parte do Doutorado no exterior?
  Sim. Alunos de Doutorado com elevado desempenho podem se candidatar à modalidade denominada “Doutorado Sanduíche”. O aluno cursa as disciplinas no POSMEC e, após a aprovação do seu Exame de Qualificação, pode vir a desenvolver parte da sua tese de Doutorado em uma boa universidade no exterior por um período de 4 a 12 meses. Retornará ao POSMEC para concluir e defender o seu trabalho.